Sobrancelhas Ruivas na Micropigmentação

Fazer Micropigmentação em Ruivas é um desafio para a maioria das micropigmentadoras.

O fato de as peles ruivas serem extremamente quentes e muito clarinhas a escolha da tinta ideal pode ser um problema.

Por este motivo, convidamos para uma entrevista a profissional Electric Ink, Karina Bastos, micropigmentadora há 13 anos, especialista em dermógrafo e que tem como filosofia empresarial buscar em seus trabalhos naturalidade e realismo.

Residente de Curitiba, recebe diariamente inúmeras clientes fototipo I e II, maioria no sul do Brasil.

Acompanhe abaixo as melhores dicas para que você possa começar a fazer micropigmentação em ruivas.

Karina Bastos

Existe alguma diferença entre peles de ruivas e de loiras que devemos considerar na hora de trabalhar?

Por experiência noto que peles de ruivas tendem a ser mais sensíveis do que peles claras em geral. Costumam ter vascularização extremamente superficial fazendo com que a resposta inflamatória seja muito rápida. Isto faz com que o sistema imunológico reaja imediatamente ao corpo estranho que tentamos implantar, o pigmento.

Ao definir as cores das tintas você baseia-se na colorimetria tradicional ou existe algum segredinho para escolher o pigmento ideal?

Eu levo em conta a cor dos pelos naturais da cliente para eleger a melhor cor da sobrancelha fio a fio. Preparo sempre uma mistura um pouco mais escura quanto trabalho com fios.

Acho que a sobrancelha fica mais bonita quando a nuance da cor se estabiliza em um marrom mais laranjado, avermelhado.

Já é sabido que em fototipo I deve-se aquecer o pigmento escolhido, o mesmo ocorre com as sobrancelhas ruivas ou devo aquecer ainda mais?

Como nessas peles a sensibilidade é ainda maior, a resposta do sistema imunológico para eliminar o pigmento é muito rápida.

Como nosso corpo é mais eficiente em carregar as moléculas mais leves, que deixam o pigmento marrom, a tendência é sobrar na pele uma grande quantidade de preto, por isso, quando cicatrizada a sobrancelha fica cinza.

O segredo para escolher a cor então é aquecer bastante, mais que o normal. Utilizo o pigmento orgânico Mostrada da linha Electric ink. Nosso organismo tende a aceitar melhor tintas orgânicas, sendo assim, a reação do sistema imunológico é “mais tranquila”, o que torna a mistura mais estável no corpo.

Quais as cores mais usadas por você nestes casos?

Sou apaixonada pelos pigmentos da Electric Ink e só utilizo os pigmentos da marca. As cores que mais utilizo são:

  • Marrom Avelã;
  • Marrom Terra;
  • Marrom Claro para Tebori;
  • Marrom Cacau (para escurecer a mistura); e claro
  • Mostarda.

Existem ruivas com a pele lisa e ruivas com muitas sardas. Posso utilizar o mesmo pigmento nestes dois tipos de pele?

Já fiz micropigmentação em ruivas de ambos os casos e, por experiência, diria que pode utilizar o mesmo pigmento sim. O fato de algumas clientes terem sardas não influenciou em nenhum dos meus trabalhos.

Peles ruivas são mais sensíveis? Exigem algum cuidado especial na micropigmentação?

Sim, são mais sensíveis, por isto, é essencial implantar com muita delicadeza e ao mesmo tempo com precisão para evitar retoque.

Durante o retorno de suas clientes, houve alguma alteração na cor que você considera importante sempre observar?

O que aprendi sobre peles ruivas é que muitas clientes retornam com o pigmento extremamente frio. Então, eu prefiro aquecer bastante e, dependendo da cor que voltar, utilizar técnicas de neutralização.

Você poderia nos presentear mostrando alguns de seus trabalhos de micropigmentação em ruivas?

Claro, é um prazer compartilhar meus trabalhos com vocês.

Logo após o procedimento:

Cicatrizadas após 30 dias:

Algum conselho final para as micropigmentadoras que ainda não fazem micropigmentação em ruivas?

Os melhores conselhos que posso dar são, tenha cuidado com a pele sensível, trabalhe com delicadeza, seja precisa na implantação e use um pigmento bem aquecido.

Obrigada Karina Bastos pelas dicas valiosas.

Aos leitores, espero que tenham gostado deste novo formato do blog.

Siga Karina Bastos nas redes sociais: Facebook  |  Instagram

?>