Eliana Giaretta

FATORES QUE COLABORAM PARA A ESTABILIZAÇÃO DO PIGMENTO

Fator: Agulhas e profundidades

A profundidade da agulha pode ter um efeito significativo sobre a aparência da tatuagem cosmética (micropigmentação) na superfície da pele. A profundidade do pigmento irá afetar tanto o volume de pigmento depositado como a cor que vemos.

Como vocês sabem, a luz natural é composta de todos os espectros de luz (lembrem-se do arco-íris); sendo assim, devido às características espectrais únicas da pele humana, a luz azul tende a não penetrar muito profundamente na pele, a luz vermelha penetra mais profundamente, mas tem maior dispersão e progressivamente menos reflectância dentro da derme.

Devido às características espectrais acima citadas, se o pigmento não é implantado na profundidade correta que é a derme papilar (entre a epiderme profunda e derme superficial), o pigmento preto/ marrom pode parecer azul/verde ou cinza por causa da profundidade relacionada com o reflexo da luz. Com o pigmento vermelho, efeitos similares são percebi dos por causa de distúrbios provocados pelo pigmento, tais como pós-inflamatórios e melasmas, onde a melanina aparece escurecida. Concluímos então que, além do pigmento usado e a melanina predominante do cliente e fatores intrínsecos (pós inflamação e melasmas), alteram a cor implantada, logo devemos considerar todos esses fatores para que a cor seja pouco ou nada alterada no resultado final.

Fator: Equipamentos

Um ponto importante a ser considerado é a precisão do equipamento utilizado. Uma máquina digital e com tecnologia precisa, faz com que o pigmento seja depositado sempre na mesma profundidade, enquanto máquinas de baixa precisão produzem profundidades alternadas influenciando o resultado final.

Fator: Número de passadas para implantar o pigmento. É necessário um pouco de experiência para aprender qual é a quantidade de passadas de agulha ideal para uma boa implantação. Muitas passadas podem causar traumas na pele, fazendo com que haja expulsão de parte do pigmento pelo excesso de sangramento e, posteriormente, perda de pigmento na cicatrização, e também aumento na chance de migração.

Cada profissional tem uma técnica e um jeito de trabalhar. Profissionais experientes e iniciantes possuem passadas diferentes; um profissional pode dar três passadas com agulha na pele e já conseguir uma boa implantação, enquanto outro profissional pode necessitar de mais passadas. Além da experiência, os fatores que colaboram para mais ou menos passadas de agulhas na pele são:

Máquina de alta precisão: oferece condições de executar um trabalho com menos trauma, menos sangramento em menos tempo de trabalho, portanto a implantação de pigmentos acontece mais fácil.

Fator: Agulhas

As agulhas devem ser novas e de boa qualidade. Agulhas de má qualidade podem exigir o uso de mais de uma agulha em um mesmo procedimento devido à perda do poder de perfuração, ou outros defeitos típicos de produtos com problemas de qualidade, tais como ponta torta ou cega. Agulhas nunca devem ser reutilizadas, seja qual for a circunstância. Cada fabricante de dermógrafo oferece diversas configurações de agulhas. Você deve pesquisar quais são as agulhas existentes para o seu equipamento e aproveitar ao máximo as várias configurações existentes para conseguir

efeitos especiais, reduzir a dor causada na cliente, reduzir o tempo do seu trabalho e consequentemente aumentar o seu ganho.

Fator: Pigmentos

Existe uma variedade de marcas de pigmentos no mercado, mas nem todas têm a devida tecnologia de produção; o pigmento tem que ter o tamanho das partículas equilibradas, que não sejam grandes nem pequenos, pois ambos não seriam adequados para implantação na pele, mas isso é segredo de produção de cada marca. Essa granulometria homogênea é conseguida em máquinas de moagem para que o pigmento tenha o mesmo tamanho; para melhorar a implantação as partículas devem ser esféricas, sem pontas.

Outro fator importante que todo profissional deve observar é a esterilização, que deve ser feita com raio gama para que haja absoluta segurança biológica.

Adquira nosso livro MICROPIGMENTAÇAO – Arte e Responsabilidade e entenda este e outros assuntos do universo de Micropigmentação.

error: